MRS. artwork

Blog

30 Janeiro 2019

Sabes,
Antigamente existia o mar.
Existia o azul, o profundo.
Era gigante sem acabar

O fresco que trazia
Limpava qualquer um.
O mar no ar vivia
Dentro de mim, dentro de nós,
Dentro de qualquer um.

Sabes o que é o sal?
A água viva que seca
Na nossa pele quente
Que flutua o corpo,
Que refresca a mente

Hoje falta-nos o ar, o mar,
O azul e o profundo.
Falta-nos o medo de o enfrentar,
De mergulhar naquele mundo.

O “hoje” espero que não chegue
Que fique longe e fechado.
Que este pensamento espere
Como perdido e não achado

Hoje eu sou com o mar
Dele sou feita e respiro.
Vê-lo sem azul e sem espaço
Como se evaporasse o que inspiro

Sabes,
Eu sou como o mar,
E hoje eu não existo.